Vigilância Sanitária promove palestra educativa sobre cuidados necessários nos supermercados

Condições de higiene, aspecto e prazo de validade dos alimentos foram alguns dos temas abordados

A Vigilância Sanitária (Visa) ofertou, na última quinta-feira (11), uma palestra educativa voltada a 40 alunos e professores que formam a Educação de Jovens e Adultos da Escola Municipal Kátia Pimentel Assunção, localizada no Jacintinho. Na ação, os participantes receberam informações sobre a importância da Vigilância Sanitária para a saúde da pessoas, além de instruções sobre os cuidados que devem ser tomados pela população no momento da aquisição de alimentos.

Participantes receberam instruções sobre os cuidados necessários para aquisição de alimentos. Foto: Visa Maceió

O curso foi ministrado pelo coordenador da Vigilância Sanitária, Airton Santos, e pela nutricionista e fiscal do órgão, Rita de Cássia. Condições de higiene, aspecto e prazo de validade dos alimentos foram alguns dos temas abordados. Ao final da palestra, todos os presentes receberam certificado pela participação.

“A presença da Vigilância Sanitária permite que as crianças envolvidas participem das atividades domésticas, compartilhando conhecimento com seus pais e garantindo a saúde da família. Dessa forma, esperamos que mais pessoas façam escolhas conscientes em prol da sua saúde”, ressaltou Airton.

Professores e alunos receberam certificado de participação ao final da palestra. Foto: Visa Maceió

Nesta terça-feira (16), a Vigilância continuará com o trabalho educativo na Escola. Desta vez, a capacitação acontecerá com mais 40 alunos e professores do turno da noite.

Vigilância em Ação

Além do trabalho educativo em escolas e negócios da cidade, a Vigilância de Maceió tem atuado intensamente nas fiscalizações das condições sanitárias apresentadas pelos empreendimentos da capital. Desde fevereiro, o órgão já contabiliza 7.500 negócios fiscalizados, 31 interditados por irregularidades e 70 toneladas de alimentos perecíveis apreendidos.

Disque Denúncia e WhatsApp

Para contribuir com a fiscalização, a Vigilância Sanitária também conta com um Disque Denúncia, que funciona por meio do número 3312-5495 de segunda a sexta-feira, das 7h às 13h. Na última quinta-feira (11), foi lançado um novo canal direto de comunicação no WhatsApp (82) 98705-0730.

A população pode solicitar a inspeção de estabelecimentos que estiverem fora das adequações sanitárias e que apresentem risco à saúde da comunidade.

Polyanna Monteiro/Ascom SMS

Botão Voltar ao topo
Fechar